GEM tem oito atletas denunciados por inscrição irregular no sub-19

Atletas não poderiam ter entrado em campo na primeira rodada da base

Por: ‎Emmanuel Fornazari em 05/05/2017 06:56:03

Se de um lado o Grêmio Maringá quer se aproveitar de uma eventual punição à Portuguesa Londrinense por jogador irregular, do outro pode perder pontos pela mesma questão, só que no Paranaense sub-19.

A Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) do Paraná denunciou o clube por relacionar oito jogadores de forma indevida na estreia da competição de base, quando o Galo empatou em 1 a 1, fora de casa, com o Nova Fátima.

O julgamento pela comissão disciplinar acontece na próxima terça-feira (09). Caso seja condenado, o GEM pode perder pontos na competição. No entanto, o que chama atenção é sobre a regularidade dos atletas para uma possível disputa da segunda fase do Acesso.

Isso porque, o time profissional do GEM já fora desfeito após o fim da primeira fase da Segunda Divisão. Inclusive, até a comissão técnica foi demitida. Os atletas irregulares teriam sido regularizados no Boletim Informativo Diário (BID) após o dia 08 de abril, data do jogo com o Nova Fátima.

Esse prazo também é superior ao limite de regularização de atletas para a disputa da Segundona, que era em 07 de abril. Dessa forma, esses jogadores não poderiam jogar na Divisão de Acesso. 

Ficaria a discussão se o GEM teria atletas suficientes para entrar em campo numa eventual classificação no tribunal para seguir na Segundona, na qual - no campo - foi rebaixado. São necessários, no mínimo, 7 jogadores de 11 titulares possíveis por time para a partida iniciar. 
© 2014 - Net Esporte Clube - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por:ARS Technology ARS Technology